Posts Recentes
  • Facebook Social Icon
Please reload

Tire suas dúvidas no Blog Corporea
Fale Conosco

Balão Intragástrico

O Balão Intragástrico Corporea é um dispositivo de silicone de terceira geração da Medicone, que tem o objetivo de causar sensação de saciedade precoce (estômago cheio), fazendo com que o paciente se sinta satisfeito mais rapidamente, ou seja, retarda a digestão, auxiliando na reeducação alimentar. Você vai emagrecer sem sentir fome!

COLOCAÇÃO

O Balão Intragástrico Corporea é colocado por via endoscópica em nível ambulatorial ou hospitalar, preenchido com soro fisiológico e azul de metileno estéreis. O corante azul dará o alerta em caso de rompimento do balão, através da urina tingida. O balão pode ser retirado a qualquer momento também por endoscopia, caso o paciente não se adapte. Devido as características individuais, o Balão Intragástrico Corporea foi projetado para ter o seu volume ajustado de forma dentro do estômago, entre 300 e 700 mL, determinado no ato da colocação pelo endoscopista.

VANTAGENS

A perda de peso esperada com a utilização do Balão Intragástrico Corporea está condicionada a adesão do paciente ao tratamento e orientações médicas, visto que uma reeducação alimentar é essencial.

 

O procedimento de colocação e retirada por endoscopia não exige internação do paciente e garante rápido retorno as atividades do dia a dia.

 

Procedimento não cirúrgico, sem cortes.

 

Procedimento seguro e eficaz, proporcionando maior auxílio e adesão às dietas necessárias para reeducação alimentar.

 

Corporea é um balão intragástrico de terceira geração no qual a Medicone, ano a ano, desenvolve melhorias de acordo com as necessidades médicas e solicitações de paciente, um processo tecnológico que poucas empresas detêm tecnologia para tal.

PERMANÊNCIA

O Tempo máximo permanência é de 6 meses, podendo ser retirado a qualquer momento por desejo do paciente ou indicação médica.

 

A primeira consulta visa orientar e preparar para a colocação do Balão Intragástrico Corporea. Após avaliação clínica e laboratorial, esse paciente estará liberado para o procedimento.